banner2_ws_som_e_tecnologia_25_nov-copy

O Som e a Tecnologia: Novas formas de criação e escuta

24 NOVEMBRO | ULHT – UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIASOVEMBRO

FORMADOR: Luís Cláudio Ribeiro

IDIOMA: Português
LOCAL: Sala A1.1 (ULHT)
PROPINA: 15 €

DATA: 25 de Novembro de 2016
DURAÇÃO: 6 horas
HORÁRIO: 14h00 – 20h00

PÚBLICO-ALVO: Todos os interessados, com ou sem experiência.
LIMITE DE PARTICIPANTES: máximo 20 participantes

 

DATA LIMITE DE PAGAMENTO DE INSCRIÇÃO: 22 de Novembro de 2016
For more information or support about registration please contact anavicente@fba.ul.pt

Ficha de Inscrição
Programa

 

Introdução:

A partir de uma arqueologia do som e da técnica é possível detetar a influência da tecnologia no modo de criar e escutar e nas alterações de comportamentos a partir do uso dos novos dispositivos. Com a interação entre a técnica e o sentido da audição novas formas de escutar o mundo e de o recriar emergiram, o que é audível nas relações artísticas contemporâneas.

 

Objectivos Gerais:

  1. Entender a situação atual a partir do confronto histórico da audição com a tecnologia de gravação, reprodução e as artes;
  2. Entender as alterações da noção de corpo na relação com os dispositivos técnicos de reprodução;
  3. Enquadrar outros sentidos, tempo e espaço no uso de dispositivos técnicos de reprodução sonora.

 

Programa:

  1. As alterações da noção de técnica a partir de alguns instrumentos do século XVII a XIX. A origem destas alterações no plano social e das ideias.
  2. A revolução das máquinas fonográficas e a «gramofonização» do mundo no século XX. Objetos técnicos, artistas e autores.
  3. Os desvios funcionais dos aparelhos de gravação e reprodução desde a sua origem. As questões do espaço e do tempo no gravado e o descolamento da fonte natural.
  4. As alterações no som do século XX a partir da contaminação triangular (técnica, géneros e media). O urbano para o ouvinte e criador contemporâneo.

 

Nota Biográfica

Luís Cláudio Ribeiro (Ph.D.) é professor universitário na Universidade Lusófona, em Lisboa. Doutorado em Ciências da Comunicação, desenvolve investigação no campo da epistemologia dos media e do som, tendo sido o impulsionador da criação da licenciatura em Ciência e Tecnologias do Som na mesma universidade. As suas mais recentes publicações focam-se na identificação e caracterização das alterações produzidas pelos mediadores sonoros na sociedade contemporânea: O Mundo é uma Paisagem Devastada pela Harmonia (Lisboa: Vega, 2011) e O Som Moderno – Novas formas de criação e escuta (Lisboa: Edições Lusófonas, 2011). Foi o Investigador Principal do projeto FCT Lisbon Sound Map (http://www.lisbonsoundmap.org). Paralelamente à sua atividade académica é escritor. As suas obras literárias mais recentes são: Sucede no entanto que o Outono veio, romance (Lisboa: Vega, 2013) e Um Jardim Abandonado que Desbota, poesia (Lisboa: 2014).

 

Ficha de Inscrição
Programa